Foto e Vídeo: Um milhão de crianças meditam e cantam pela paz!


No dia 21 de setembro de 2015, na Tailândia, um milhão de crianças se reuniram com um único objetivo: meditar pela Paz Mundial.

Em 2012, 248 cidades participaram neste evento, 564 em 2013 e 1.167 em 2014. Este ano, os organizadores falam de um total de mais de 1.500 cidades em todo o mundo que participaram da meditação sincronizada para a paz mundial.

Este evento também marcou o lançamento do documentário “A paz interior para a paz mundial”, que lida com a paz mundial e como alcançá-la, com foco na paz interior que cada um de nós terá que cultivar para tornar possível esse ideal.

Confira esse emocionante vídeo e seu cântico:

 

“Change The World” by One Million V-Star Children & Howard McCrary

(cantada por 1 milhão de crianças em 11/12/2010, na Fundação Dhammakaya, Tailândia)

(Tradução livre)

Vamos juntos abrir

uma nova era no mundo para eliminar

todos os conflitos e diferenças.

É tempo de todos se darem as mãos.

Afinal, agora o mundo está além da cura.

É hora de mudar o mundo para Aquele que se conhecia no passado.

Precisamos ver esse período em nosso tempo,

antes que partamos deste mundo.

Todos devemos nos juntar lado a lado

para mudar o mundo

das trevas para a luz,

do sofrimento para a felicidade,

do ignorante para o sábio.

Temos de mudar o mundo da forma mais fácil e relaxar,

Sermos felizes com a alegria da inocência infantil.

Todos devemos caminhar lado a lado.

Feche os olhos, relaxe … relaxe …

Conduza sua mente ao centro do corpo …

e olhe para dentro …

Como a mesma posição conhecida desde o passado…

Mudemos o mundo da era da escuridão para a era de luz…

da velha era para esta nova era…

o mundo vai ser como o Céu na Terra…

sem sociedades divididas em classes…

todo mundo vai ser igualmente feliz…

nós falaremos um tipo de linguagem celestial…

tudo se tornará como um sorriso de amor…

Nós vamos ser o tipo de mundo que mudaremos,

o mundo vai mudar*…

(*Essa frase foi cantada, ao fim da canção, em francês, espanhol, russo, árabe, hebraico, chinês, alemão, português, japonês e tailandês.)

Fonte: Portal Raízes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *